14 novembro 2012

Derrubada de árvore: Praça Salvador Allende em Porto Alegre

A apresentação  final  que a SMAM deu ao tronco da árvore.
Na última quinta-feira (8/11), por volta das 9h, uma equipe de seis funcionários da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Porto Alegre derrubou, com a ajuda de guindaste, a maior árvore de sombra da praça Salvador Aliende, na esquina da avenida Loureiro da Silva com rua Avaí, na divisa entre os bairros Cidade Baixa e Centro. Apesar de pequena, a praça está mal cuidada, possui poucas árvores, e a imensa seringueira, com mais de dez metros de altura, era uma fonte de sombra e embelezamento para a praça. Era imponente, não aparentava estar doente nem ameaçava cair.

 A praça é muito utilizada pelos moradores para caminharem com seus cachorros e tomar chimarrão nas tardes. Edilson Silveira Pedroso, morador da rua André da Rocha, ao passar pelo local, comentou achar estranho derrubar uma árvore tão forte assim. “Trago todos os dias o meu cachorro aqui, e agora sem sombra teremos. Como vamos ficar no verão?”, criticou, ao lamentar a existência de uma árvore de Chorão, “velha e precisando de cuidados”. Para os moradores e os estudantes de fisioterapia que fotografaram o corte da árvore, questionando os motivos da Prefeitura assim proceder, sem qualquer placa de aviso, também condenavam a ação do Executivo.

Plantão de vendas está sendo instalado ao lado da Praça.
 Ao lado da praça está se instalando uma sala de vendas de uma construtora, para a divulgação de um novo hotel com mais de 18 andares. “Não queremos acreditar que esta árvore foi derrubada para facilitar a visualização do salão da construtora”, criticaram os estudantes.

"Se fosse um terreno particular para construir um edifício em cima, teriam de requerer para a SMAM, mas estando na praça não tem razão nenhuma pra retirar. Podem adotar uma praça e fazer um jardim com baixo custo, mas não pode derrubar árvore. Mesmo que não seja uma árvore nativa ela está embelezando  uma praça e não está atrapalhando a construção do edifício"  comentou Augusto Carneiro, que esteve no dia de hoje (14/11) visitando a praça. Carneiro é advogado, um dos fundadores da AGAPAN.

Serviço de "Logística Ambiental" de empresa terceirizada para a SMAM...
 As atividades da motosserra da Smam parecerem não parar. Já temos reclamações de várias praças sofrendo derrubadas: Praça da Matriz (pelo IPHAN), Praça Otávio Rocha (pelo IPHAN) , Praça da Jerônimo de Ornellas (pela SMAM), Praça em Belém Novo e muitas outras praças de Porto Alegre sendo ameaçadas. 
Se você se deparar algum sinal de derrubada de árvores, ligue e denuncie! 


Funcionários da SMAM recolhem as folhas e colocam no caminhão.


Por Vanessa Melgare, publicitária e conselheira da Agapan

Um comentário:

Delourdes Bressiani disse...

A área da praça Salvador Allende será totalmente revitalizada, recebendo novo pavimento em concreto, bancos, lixeiras e gramado.
No início do mês, uma falsa seringueira foi removida da praça, por estar em local inapropriado, sobre uma galeria de esgotos. O vegetal havia sido plantado irregularmente pela população, sendo incompatível com o mobiliário urbano do espaço.

Foram transplantadas no dia 28 novembro duas sibipirunas de cerca de dois metros de altura cada.

Arq. Delourdes Bressiani - Projeto Viva o Centro